Mapa

no escuro inverno
o desejo flutua
sem mapa de navegação

a narrativa,
fóssil labiríntico incolor,
arquiteta o enterro dos signos.
...
Comentário em Ficções do Invisível

vôo solo

pensando ser pássaro,
de lugar alto
aterrisou na calçada

pensamentos espalhados
feito tijolos quebrados
os braços estendidos

olhos arregalados
sonhos interrompidos...
Deixe estar.

Tempestades virão.

E passaremos, incólumes ou não, pelas turbulências dos relacionamentos que desnudam nossas veredas, e revelam tanto nossas dores, fraquezas e amores, quanto a força de querer seguir adiante...

Sinopses são sinapses, aflitas para se expressarem, mesmo sem a certeza da síntese adequada.

...

Comentário em Ficções do Invisível de  Melanie Peter.

Eu Sou o que Eu Sou... I am what I am...

Minha foto

"Quem somos nós? Só convivendo para saber. A Verdade se descortina a cada momento e a cada encontro surgem novos caminhos."