frontinárias

as fronteiras, 
sempre 
as barreiras 
imaginárias 
a causar
separação.

a cortina

a rotina embassa a retina
e a gente se perde 
em cada esquina...

talmud

qual o sentido de tudo, 
se na hora do acerto 
o coração fica mudo?

esperanto

tanta confusão...
por nada não...

+ cada erro
eleva o aterro...

ou cava
o despertar...

só ri...

na torre 
todo dia 
se morre 

e ninguém 
socorre...

Eu Sou o que Eu Sou... I am what I am...

Minha foto

"Quem somos nós? Só convivendo para saber. A Verdade se descortina a cada momento e a cada encontro surgem novos caminhos."